[VOCÊ SABIA?]

SUPORTE PJFP

[VOCÊ SABIA?] – Renato Lellis

VOCÊ SABIA?

Renato Lellis,  baterista do Plutão Já Foi Planeta.

Renato Righi Lellis, natural de São Paulo, como um bom taurino ele topa qualquer tipo de massa, hambúrguer e açaí, é só convidar! Começou a fazer parte do Plutão no final do primeiro semestre de 2017, suas principais influências são o Rock, Soul music, Surf music e a musica brasileira com destaque aos tropicalistas.

Filho de músicos, mãe pianista e pai baterista, seu contato com a música ocorreu muito cedo através da bateria. Autodidata, Renato é multi-instrumentista, além da bateria, acabou aprendendo a tocar flauta doce, mais tarde partiu para o piano e na pré adolescência começou por conta própria a tocar baixo e por ai não parou… guitarra, escaleta e ukulele também está presente em seu currículo! E Além de multi-instrumentista, Lellis é compositor, bicho.

SUPORTE PJFP

[VOCÊ SABIA?] – André Maia

Segunda-feira chegou e hoje nós estamos concluindo nosso quadro [VOCÊ SABIA?] sobre a Plutão Já Foi Planeta, então apresentamos a vocês André Maia.
André é produtor executivo da Plutão, está sempre correndo atrás de oportunidades, cuidando para que tudo aconteça da melhor forma possível juntamente com os membros da banda.
Quem já esteve em shows e é mais atento com certeza viu esse cara aí, que algumas vezes aparece barbudo, andando de um lado para o outro. Haha!

Gostaríamos de agradecer o apoio de sempre, André. Você é demais!

Durante pouco mais de um mês, o SuportePJFP mostrou de forma simples a trajetória de cada integrante direto da banda, com curiosidades, formações incluindo quem passou e deixou sua marca, e ainda é preciso ressaltar que há familiares/amigos que fazem a diferença numa caminhada de sucesso. Nosso muito obrigado a vocês também por darem força para esses cinco seres maravilhosos e fazerem isso acontecer.

SUPORTE PJFP

[VOCÊ SABIA?] – Khalil Oliveira

VOCÊ SABIA?

Que Khalil Oliveira é energia boa todo mundo sabe, não é? Mas ele também é versatilidade! Além de mandar super bem na bateria, dá um show no acordeão e também toca violão.
Tem uma veia esportiva, tanto que se destacou nos esportes judô e natação, onde ganhou diversas medalhas.

Antes de se juntar à Plutão Já Foi Planeta em 2015, já atuava na cena natalense passando por bandas como Tio Sam e Talma&Gadelha.

Colecionador de baquetas do carnaval, na adolescência ele ficou conhecido na cidade e isso lhe rendeu convites para conhecer os dois bateristas que ele admirava tanto: Riquelme de Aviões do Forró e Rey de Chiclete com Banana.

Cursou até o terceiro período de licenciatura em música pela UFRN, foi professor no colégio Marista de Natal e atualmente cursa fisioterapia.

E o tópico bem importante que todo mundo pergunta a qualquer pessoa: quais séries você vê? Khalil curte Black Mirror, Breaking Bad, Brooklyn99 e Dexter.

O SuportePJFP está quase concluindo o quadro [VOCÊ SABIA?].

Próxima semana ainda vamos trazer um post bônus pra vocês! Até lá.

SUPORTE PJFP

[VOCÊ SABIA?] – Vitória de Santi

VOCÊ SABIA?
Vitória de Santi (também conhecida como Vick dos Teclados), obviamente, é a tecladista e também baixista da Plutão Já Foi Planeta.
Começou a fazer parte em setembro de 2014, após ter ido gravar uma entrevista com a banda e por coincidência Gustavo ter comentado que estavam precisando de alguém que tocasse justo os instrumentos com os quais ela já fazia som.
Cursa jornalismo na UFRN, e o seu contato com a música ocorreu no início do ensino fundamental, onde por ser grade curricular acabou aprendendo a tocar flauta doce, mais tarde partiu para o piano e na pré adolescência começou por conta própria a tocar baixo.
É mais uma viciada em séries e acompanha Game Of Thrones, Grey’s Anatomy, Once Upon A Time, Orphan Black, entre muitas outras.
Próxima segunda-feira o SuportePJFP conclui o quadro que fez com tanto amor sobre todos aqueles que fazem parte da história da Plutão Já Foi Planeta. Até lá!

SUPORTE PJFP

[VOCÊ SABIA?] – Natália Noronha

VOCÊ SABIA?

A adição de Natália Noronha foi o primeiro passo para o surgimento da Plutão Já Foi Planeta. Como já dito nas semanas anteriores, Gustavo Arruda, Sapulha Campos e Rafael Bezerra (ex-baixo/teclado) pensaram ser necessário uma voz feminina na nova identidade do grupo.
Natália já publicava seus sons no SoundCloud e acabou se encontrando com os meninos por meio de indicações, se juntando para fazer um trabalho autoral nessa primeira formação, contando também com Raphael Andrade (bateria).

No início de 2014, com a primeira formação completa e apoio do Estúdio DoSol e Estúdio Megafone, o álbum “Daqui Pra Lá” foi lançado. O som viralizou e havia mais uma banda tentando seu lugar ao sol de Natal. .
O primeiro contato de Nat com a música foi em grupos de igreja evangélica. Seu pai Ari Noronha também é músico (inclusive, contribuiu com o processo de gravação do segundo álbum com lançamento previsto para esse ano) e lhe deu seu primeiro violão ainda na pré adolescência.
Além de cantora e compositora, Nat é graduanda em jornalismo na UFRN (mais precisamente, tem sua matrícula fechada para focar no trabalho musical); adora músicas de estilo indie, tanto que também é conhecida por fazer dj-sets alternativos em algumas baladas da cidade. Quando perguntada sobre influências, sempre menciona as bandas britânicas Bombay Bicicle Club e Little Comets e os americanos da Bon Iver. De séries, Nat curte assistir Grey’s Anatomy, Sherlock e Orange Is The New Black.

No “Você Sabia?” que continua na próxima segunda-feira, o SuportePJFP vai mostrar a trajetória da banda e cada integrante. Todos que fazem parte da história da Plutão Já Foi Planeta, com todo amor e carinho.